Marmitas Saudáveis

Uma boa solução

  • Publicado em 15/11/2016

Adicionar no seu Flipboard

Marmitas Saudáveis ! Uma boa solução

Por que levar marmita?
Entre as vantagens de levar marmita estão: você tem total controle da sua comida, isso permite fazer escolhas mais saudáveis e saborosas para você. Uma comida preparada em casa tende a ser fresca e mais leve que a dos restaurantes de dia a dia . é preciso dedicar uma parte de seu tempo para o seu preparo

Tá, mas quais os alimentos que resistem a tanto calor?
Na lista das boas pedidas entram: carne moída, picadinhos, frango desfiado ou em cubos, almôndegas, purês, mexidos, sopas, ensopados, tortas, carne de panela etc.
O que evitar na marmita?

Carnes grelhadas também não são indicadas, no quente-requente tendem a ficar  passadas e ressecadas. Legumes cozidos também tendem a não dar certo. Quando requentados perdem textura, cor, sabor e aroma.

Saladas cruas são as melhores amigas da marmita. Desde que colocadas longe dos alimentos cozidos e que não sejam previamente temperadas. O tempero vai deixar as folhas murchas, molengas e desidratadas. Leve o molho, o vinagre e o azeite sempre a parte. O tomate também nunca deve ir junto das folhas, sua acidez também pode desnaturar as folhas. As conservas e legumes cozidos também devem ser separados das folhas. 

Os legumes como cenoura, beterraba e abobrinha super funcionam crus. Use ervas frescas como salsa, manjericão, alecrim, coentro e estragão. Eles podem ir junto com as folhas frescas e darão um tcham na sua saladinha sem graça. Eu sempre deixava um vidro de azeite e vinagre morando na firma pra dar aquele up nas folhas.

 

Todo mundo junto e separado
Marmita profissional é aquela em que está cada um no seu quadrado. Divida os alimentos em potes diferentes e aqueça separadamente. Isso diminui a sensação de que você está comendo uma gororoba requentada e ajuda a preservar as características de cada preparo.


Evite 
O peixe é um dos últimos alimentos que você deve por na sua marmita. Primeiro porque é super delicado e não resiste bem ao over cooking, segundo porque ao aquecê-lo você vai espalhar um aroma tenso pela firma. Ovo cozido também não agrada pelo aroma e costuma ficar cinza quando requentado. Evite.

Pratos frios são os melhores
Para um desempenho top blaster foodie da sua marmita aposte em preparos que se comem frios. Quibe cru, steak tartare, saladas de grãos, rosbife, tortas, quiches tudo isso fica perfeito na marmita. Mas lembre-se, todos devem ser mantidos refrigerados. Se você não tem geladeira na firma, descole uma bolsa térmica, com gelos portáteis (daqueles que não vazam) para manter o alimento sempre numa temperatura segura.  Ninguém que ter uma intoxicação com a própria comida.

Quais potes escolher?
O plástico tem a vantagem de não quebrar, mas tem aquele lance de que libera resíduos no alimento. A solução é levar no pote e ter um prato a mão para aquecer a comida (o prato você pode levar de casa e deixar na firma junto com o azeite, o vinagre na sua gaveta, ao lado da bolacha…). O mesmo vale para as clássicas marmitas de alumínio. Hoje já existem potes de silicone que são mais seguros que plástico e os de vidro mais resistentes. 

Por fim, estude, pense e crie
Comida cotidiana exige certa dose de criatividade e cozinhar requer uma pouco de esforço. Procure alimentos diferentes de um mesmo grupo e faça substituições.  Por exemplo, troque o feijão por grão de bico ou lentilha; o arroz branco pelo vermelho ou negro; o filé de frango pelo suíno, a almôndega de carne pela de recheio de linguiça… O Céu é o limite.   

 




Quer fazer uma Avaliação ou marcar uma consulta ?
Avaliação

A tecnologia da bioimpedância simplicidade e rapidez, fornecendo uma informação completa sobre a nossa condição atual e uma orientação sobre a composição corporal ideal.

Planejamento

A partir dos dados obtidos serão traçados objetivos e metas para o paciente. Será elaborado um plano nutricional e um cardápio personalizado e individual.

Suplementação

Tanto o plano alimentar quanto a suplementação será direcionada conforme as necessidades do paciente: perda de peso, ganho de massa muscular, performance, preparo físico e competições.

Quer receitas e Cardápios em seu e-mail ?